News
Loading...

EM DELAÇÃO, CEVERÓ CITA PROPINA DE US$ 6 MILHÕES PARA RENAN CALHEIROS, MAS É REPREENDIDO POR MORO

Nestor Cerveró cita propina de US$ 6 milhões a Renan Calheiros

Em seu primeiro depoimento como delator da OperaçãoLava Jato, nesta segunda-feira (18), o ex-diretor da área Internacional da Petrobras Nestor Cerveró acusou peemedebistas presidentes do Senado, Renan Calheiros, e da Câmara, Eduardo Cunha, de envolvimento em irregularidades na contratação de navios-sonda da estatal. 
Cerveró afirmou que o lobista Jorge Luz, que atuava na Petrobras, pagou US$ 6 milhões referentes à sonda Petrobras 10.000, contratada junto à multinacional Samsung. "Foi o Jorge Luz o encarregado de pagar o senador Renan Calheiros, o senador...", afirmou.
No momento em que prosseguiria a frase, o juiz Sérgio Moro interrompeu a fala, afirmando que o assunto não fazia parte da ação penal em questão. 
Cerveró também afirmou que a Samsung havia prometido propinas de US$ 20 milhões, que não foram pagas, na negociação de um contrato de uma das sondas. "Só depois de vários anos, o [lobista] Fernando Soares conseguiu, através de um apoio do deputado Eduardo Cunha, receber parte da propina devida dessa segunda sonda."

Jornal do Brasil

Share/Bookmark
Compartilhar no Google Plus

About Portal Itiuba

Portal Itiúba.Net, o Seu Jornal Digital 24 Horas Por Dia, 7 Dias por Semana, 365 Dias por Ano. Participe, Comente Nossas Matérias Logo Abaixo!

0 comentários :

Postar um comentário