News
Loading...

OPERAÇÃO DA PF CUMPRE MANDADOS CONTRA EX-GESTORES E PREFEITOS NA BAHIA

pf-camamu

A Operação Águia de Haia, da Polícia Federal, cumpre dezenas de mandados de busca e apreensão e de prisão em várias regiões da Bahia, dentre elas o Sul do Estado, além de Minas Gerais contra desvio de verbas da Educação.
Prefeitos, ex-prefeitos e ex-secretários, além de empresários, são procuradores por forjar licitações para desviar recursos do Fundeb na Bahia, Minas, São Paulo e Distrito Federal.

OPERAÇÃO EM CAMACAN E BUERAREMA

Pelo menos em Camacan e Buerarema, ambas no sul da Bahia, agentes da PF cumpriram mandados em secretarias e casas de ex-gestores. Hoje, também, agentes cumpriram mandados de busca e apreensão na casa da prefeita de Camamu, Emiliana de Zequinha, e de secretárias.
Há pouco, o PIMENTA conversou com o diretor da Polícia Federal em Ilhéus, Mário Vinícius Lima, mas ele não confirmou se houve prisões de gestores em Camacan. “Estou ouvindo um dos alvos da operação agora. Não posso confirmar nem negar [se houve prisão em Camacan]”, disse ele.
Segundo o diretor da PF em Ilhéus, a operação também está sendo executada em regiões da Bahia que fazem divisa com Pernambuco e Sergipe. “O que posso confirmar é que um dos chefes [do esquema] foi preso ontem à noite em Guarajuba, na Região Metropolitana de Salvador”, disse ele ao PIMENTA.
De acordo com informações obtidas pelo site, agentes da Polícia Federal cumpriram mandados em residências de ex-gestores e ex-secretários de Buerarema. Já em Camacan, a ação ocorreria na Secretaria de Educação. Apesar dos boatos, o delegado Mário Vinícius Lima não confirmou a prisão ou condução coercitiva de gestores de Camacan.

OPERAÇÃO EM 18 MUNICÍPIOS DA BA

A operação conta com 450 policiais e cumpre 100 mandados de busca e apreensão e 4 de prisão preventiva. De acordo com a PF, a quadrilha atua desde 2009, iniciando em São Paulo. Depois, migrou para a Bahia, onde instalou sua base principal. A organização atuou em 18 municípios baianos, um em Minas e outro em São Paulo.
Os responsáveis pelas fraudes serão indiciados por crimes licitatórios, corrupção ativa e passiva e formação de quadrilha, entre outros delitos. Desvios na Bahia superam os R$ 57 milhões.

Pimenta Blog

Portal Itiúba.Net | Com Tel Silva

Share/Bookmark
Compartilhar no Google Plus

About Portal Itiuba

Portal Itiúba.Net, o Seu Jornal Digital 24 Horas Por Dia, 7 Dias por Semana, 365 Dias por Ano. Participe, Comente Nossas Matérias Logo Abaixo!

0 comentários :

Postar um comentário