News
Loading...

PM que baleou ladrão não foi punido e recebe honraria mais alta da corporação em São Paulo

O policial militar que deu dois tiros em um ladrão no último sábado (12), em São Paulo, foi condecorado com a medalha Láurea de Mérito Pessoal em 1º Grau. Este é o grau mais alto de honraria que a PM concede aos seus profissionais que se destacam por atos de bravura, segundo a Folha Online.

O oficial está afastado do trabalho por conta de uma cirurgia que já tem data marcada. Ele não sofreu nenhum tipo de punição, ao contrário de boatos, e assim que puder retoma suas atividades na corporação.  

A PM diz em nota que "as imagens mostram uma ação legítima, praticada segundo o procedimento operacional padrão e a postura do oficial em seu horário de folga, pondo em risco a própria vida, demonstra profissionalismo e devoção à causa pública".

O oficial deu entrevista à rádio Bandeirantes, pedindo para não ser identificado, e diz que considera a ação bem sucedida por ter diminuído as chances de resistência do suspeito. O policial diz ainda que só reagiu porque o ladrão "resistiu e tentou tirar a arma da cintura".

ASSISTA AO VÍDEO COMPLETO GRAVADO PELA VÍTIMA :


Entenda o caso 

Um vídeo gravado por uma câmera acoplada ao capacete de um motociclista mostra um policial militar atirando em um homem de 18 anos após ele assaltar sua moto de luxo na tarde de sábado (12), Dia da Criança, na zona leste de São Paulo.

Leonardo Escarante Santos foi encaminhado ao pronto-socorro do Tatuapé com um tiro no abdômen e outro na perna. Ele passou por cirurgia, mas não há informações sobre o estado de saúde dele. O outro suspeito conseguiu fugir.

A vítima seguia em sua Honda Hornet branca por volta das 15h quando foi abordada no encontro das avenidas Doutor Assis Ribeiro e Gabriela Mistral, na Penha. Segundo a narração do vídeo, ele estava indo para o Salão Duas Rodas, na zona norte.

No local, ele foi abordado pela dupla em uma Honda Twister vermelha. Santos, que estava na garupa, aponta uma arma para a vítima, um vigilante de 35 anos, e pede para que ele entregue o veículo. Ele obedece, entrega a moto e diz para os suspeitos não se preocuparem porque ele não é policial.

Em seguida, Santos sobe na moto e guarda a arma na cintura. Um policial militar fardado que voltava do trabalho desce armado de seu carro, que estava parado no sentido oposto da via e dá voz de prisão aos assaltantes, segundo a Polícia Civil.

Fonte : Correio24horas

Share/Bookmark
Compartilhar no Google Plus

About Portal Itiuba

Portal Itiúba.Net, o Seu Jornal Digital 24 Horas Por Dia, 7 Dias por Semana, 365 Dias por Ano. Participe, Comente Nossas Matérias Logo Abaixo!

0 comentários :

Postar um comentário